quarta-feira, 11 de junho de 2008

Será a eutanásia moral? 29/05/2008

10 comentários:

Bessa Vieira disse...

Tudo o que é bom. É moral.
O que é uma acção boa?
É tudo aquilo que não causa dor ao outro e a outro qualquer que tome conhecimento dessa acção.
Entenda-se por dor, qualquer desconforto fisico ou psiquico, e por "outro qualquer" toda a humanidade considerada em cada um dos seus individuos.
Não basta que o acto/acção seja bom para dois ou mais que o praticam, mas também para todos os outros seres conscientes (não é necessário chegar aos sencientes) que se conhecessem a acção poderiam por ela ser afectados positiva ou negativamente, ainda que só a nível psíquico.

RS (Ontologias) disse...

Um excelente blog. Gostei.
Espero que não se importe que o cite no Ontologias.
RS.

Vítor João Oliveira disse...

Obrigado pelas palavras simpáticas.
Claro que não Caro rs (Ontologias).
Volte sempre.

RS(Doctorices) disse...

Prof. Vítor, além do Ontologias tenho outro blog que lhe poderá interessar a si (ou a quem conhecer)o Doctorices.
Obrigada pela visita ao Ontologias que é um blog de parceria, RS (não é caro, mas cara...).
Abraço, RS

Vítor João Oliveira disse...

CARA RS, as minhas sinceras desculpas. O Ontologias não fazia supôr as Doctorices.
Cumprimentos.

RS (Ontologias) disse...

Prof. Vítor, não tem que pedir desculpas. RS, não quer dizer genéro, quer dizer as iniciais do nome de alguém que sou eu: Rosa Silvestre.
Volte sempre que quiser.

Hermes disse...

Exelente iniciativa por parte da vossa escola.
O tema é excelentge e cada vez mais actual. E as pessoas convidadas (Daniel Serrão e Pedro Galvão)são dois peritos no assunto, o que irá proporcionar um debate interessante.
António Paulo

Vítor João Oliveira disse...

Caro António Paulo,obrigado.
Se estiver na área, será um prazer recebê-lo.
Abraço,
Vítor João Oliveira

RS (Ontologias) disse...

Olá Vítor, quanto ao destaque que estou a dar ao seu blog, na minha opinião, é bem merecido. Afinal os jovens sabem pensar e construir um trabalho, com a ajuda do professor, um trabalho com pés e cabeça…
Não tem que agradecer, quem agradece sou eu e os leitores dos meus cantinhos que verificaram a existência desses jovens inteligentes e empenhados que gostam de fazer um trabalho sério e ponderado, essencialmente reflexivo como o que foi publicado!
Concordo consigo quando afirma que nestes “tempos de incerteza, mas também de dogmatismo tecnocrático, vazio e inconsequente, a apresentação pública do que se faz nas aulas de Filosofia é decisivo para mostrar a relevância prática do saber dos jovens”, muitas vezes, considerados pelos mass-media como a geração rasca e não como cidadãos críticos e responsáveis.
Claro que continuarei a dar destaque aos trabalhos que for publicando.
Volte sempre. Saudações cordiais,
Maria Rosa Silvestre.

R. Angélica disse...

Após a elaboração do meu Ensaio sobre a Moralidade da Eutanásia, foi para mim muito satisfatório e encorajador ouvir a palestra dos distintos Professores Dr. Daniel Serrão e Dr. Pedro Galvão. Isto porque os temas abordados foram ao encontro da minha própria abordagem e visão do tema.
Fiquei extremamente satisfeita por ouvir a "discussão" entre os oradores pois mostrou o profundo conhecimento sobre as questões e revelou-me as duas faces da realidade.
Tendo defendido no meu Ensaio a imoralidade da eutanásia, naturalmente fiquei agradada com o facto de sentir a minha opinião tão bem apoiada e argumentada, no entanto, os argumentos a favor da eutanásia foram igualmente válidos e ajudaram-me a reflectir e analisar a questão sobre uma perspectiva diferente. Todos os intervenientes (incluindo os alunos que fizeram a introdução e o Professor Vitor João Oliveira) estão de parabéns pelo excelente trabalho desenvolvido.

Rita Angélica Raínho